Notícias

Palestra de Alessandra Ferrari na Semana de Memória da Justiça Eleitoral na sede do TSE em Brasília/DF.

Brasília/DF, 06 de maio de 2014.


Palestrante Profa. Ms. Alessandra Ferrari

IMG_4033
IMG_4034

 

Inauguração de exposição inédita de obras raras no Ministério da Justiça em Brasília.

Brasília, outubro de 2013

Livros com mais de cinco séculos de existência, que remontam às origens da imprensa, e obras modernas como a primeira edição de ‘Raízes do Brasil’ (1936) são uma amostra do que o público poderá ver pela primeira vez durante a Exposição de Livros Raros e Valiosos do Ministério da Justiça, que começa no Dia Nacional do Livro, nesta terça-feira (29).

As publicações fazem parte de um acervo de 18 mil volumes doados ao Ministério da Justiça por Affonso Penna Junior, ministro da Justiça entre 1925 e 1926 e imortal da Academia Brasileira de Letras. Foram escolhidas 48 obras clássicas e renomadas das áreas de Direito, Religião, História e outras.

A exposição estará aberta ao público a partir do dia 30 de outubro, das 9h às 17h, no Salão Negro do Ministério da Justiça. A entrada é gratuita. A abertura do evento será marcada por uma solenidade para convidados e imprensa.

Fonte: Ministério da Justiça

1383555_1416368448592276_291979741_n559757_1416371195258668_1774385980_n 1426570_1416366865259101_747903088_n

 

 

 

 

 

 

Alessandra Ferrari durante a solenidade de abertura da exposição no Salão Negro do Ministério da Justiça em Brasília/DF.

 

Saiba mais sobre a exposição de livros raros no MJ:

Vídeo sobre a exposição: http://www.youtube.com/watch?v=TItZaoltDdw

http://www.justica.gov.br/noticias/mj-lanca-exposicao-inedita-de-obras-raras-no-dia-nacional-do-livro

http://www.brasil.gov.br/cultura/2013/10/mj-lanca-exposicao-inedita-de-obras-raras-no-dia-nacional-do-livro 

 

 

Conservação e Restauro na Faculdade de Medicina da USP em São Paulo/SP.

cabe

Domingo, 13 de Março de 2005

O prédio da Faculdade de Medicina da USP, na Dr. Arnaldo, está passando por um restauro arquitetônico, coordenado pela escritório de Julio Katinsky, ex-aluno de Lina Bo Bardi. Para preservar a memória por completo, todos os móveis da diretoria também serão restaurados. Quem venceu a concorrência foi a expert Alessandra Ferrari, que estudou no conceituado Istituto Italiano di Arte e Restauro, e tem no currículo a restauração de uma parede pintada por John Graz nos anos 50, descoberta por acaso em Higienópolis e o painel que o pintor uruguaio Carlos Páez Vilaró pintou no Hotel Delphin, no Guarujá.

filename

JVC JVC

 

 

Foto do hall interno da Diretoria da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo -USP, na Av. Dr. Arnaldo, em São Paulo/SP.

 

Alessandra Ferrari ministra curso para bibliotecários do Ministério da Justiça em Brasília/DF.

Brasília/DF, 2012.

Curso MJ 1 Curso MJ 1

Curso MJ2 Curso MJ3

 

 

Encerramento de Estágio no Preservation Program do National Archives and Records Administration (NARA) em Washington/DC.

Estados Unidos, Washington/DC, Junho de 2013.

figura2

Doris Hamburg – Director of Preservation Programs e a restauradora Profa. Alessandra Ferrari.

 

Visita ao Laboratório de Restauro “Luce Foundation Center for American Art” do Smithsonian American Art Museum em Washington / DC.

Washington/DC, USA, Junho 2013.

Luce 1   Luce 2

Fotografias realizadas por Alessandra das instalações do laboratório de restauro durante visita.

 

Alessandra Ferrari realiza consultoria em Preservação de obras e executa trabalhos de Restauração de bens pertencentes ao acervo do Palácio dos Bandeirantes, sede do Governo Paulista em São Paulo/SP.

São Paulo, 2009.

A sede do Governo Paulista, o Palácio dos Bandeirantes, foi construída para abrigar a Universidade “Fundação Conde Francisco Matarazzo”. A construção do prédio começou em 1955, mas problemas financeiros impossibilitaram a continuação da obra. Diversas tentativas, sem sucesso, foram feitas para que fundações como “Getúlio Vargas” e “São Paulo” assumissem a sua direção. Em vista disso, foram iniciadas negociações com o Governo do Estado de São Paulo. Em 19 de abril de 1964, a sede do governo estadual passou do Palácio dos Campos Elíseos para o novo prédio no bairro do Morumbi. A denominação “Bandeirantes” é uma homenagem aos pioneiros que expandiram as fronteiras brasileiras. O Palácio dos Bandeirantes possui um rico acervo artístico, com obras de artistas como Portinari, Antonio Henriqye, Djanira Motta e Silva, Aldemir Martins, entre outros. Diversas dessas obras podem ser vistas durante as exposições temporárias. Durante as visitas é possível ver ainda o Salão dos Pratos e a Galeria dos Governadores.

http://www.acervo.sp.gov.br/home.html

Alê maio 2009 203 Alê maio 2009 197 Alê maio 2009 192 Comoda

 

 

Palestra de Alessandra Ferrari proferida no Museu Nacional dos Correios em Brasília/DF, durante a 10ª Semana de Museus.

Brasília, Maio de 2012.

Esta edição da Semana de Museus tratava do tema “Museus em um mundo em transformação, novos desafios, novas inspirações”.

 

163582_422483267773600_1594332801_n 526189_417171818304745_233082830_n

Profa. Ms. Alessandra Ferrari proferindo palestra.

 

Saiba mais sobre a 10a Semana de Museus:

 http://www.museus.gov.br/wp-content/uploads/2013/09/guia-10-semana-de-museus.pdf

 http://www.correios.com.br/sobreCorreios/educacaoCultura/museuPostal/default.cfm

 

 

A Fundação Escultor Victor Brecheret e a Academia Brasileira de Arte, Cultura e História homenageiam Alessandra Ferrari com a outorga da medalha e diploma de Mérito Cultural.

São Paulo, Fevereiro de 2012.

Ale e Chelala ASBACH Alê e Chelala ASBACH 2

 

A Profa. Ms. Alessandra Ferrari lança cursos de Conservação e Restauro e Artes no Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo/SP.

São Paulo, SEXTA-FEIRA,  19 de setembro de 2008

A partir de abril o Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo oferece novos cursos de extensão. São duas turmas de Introdução à Conservação e Restauro de Bens Móveis e Imóveis e uma turma de Vitrinismo. Estes cursos específicos chegam para completar a formação dos profissionais e enriquecer o mercado. Todos de curta e média duração, mas com um programa de aulas intensivas e o corpo docente de qualidade. São professores especialistas, mestres e doutorandos em suas áreas de atuação.

Introdução à Conservação e Restauro de Bens Móveis e Imóveis: Coordenado por Alessandra Ferrari, conservadora e restauradora de bens culturais de móveis e imóveis e Mestre em Educação, Artes e História da Cultura, o curso é destinado a estudantes, profissionais e interessados na área de arte, conservação e restauro, museologia e atividades afins. O objetivo é introduzir o indivíduo no universo da história, com teorias e técnicas da conservação e restauro de obras de arte, bem como promover a compreensão dos fundamentos básicos científico-tecnológicos dos processos produtivos da conservação e restauro. Com carga horária de 40 horas/aula, o curso tem início em 17/04/2007 e vai até 31/05/2007, sempre as terças e quintas-feiras: a turma 01 das 15h30 às 18h30 e a turma 02 das 19h às 22h.

Vitrinismo: Coordenado pela professora Fátima Lourenço, Mestre em Educação, Artes e História da Cultura, o curso é voltado a estudantes de marketing, visual e merchandising, estilistas, artistas plásticos, decoradores, arquitetos, lojistas e interessados em geral. O curso dá condições aos participantes de entender, interpretar e realizar a criação de vitrines pelo conhecimento adquirido. É voltado a tudo que está relacionado com a arte de expor mercadorias em vitrines e tem como conteúdo noções de espaço e arquitetura, valor das formas e cores, composição e exposição, iluminação, luz de efeito, psicologia das formas e linguagem das cores. Com 36 horas/aula, a duração vai de 16/04 à 28/05/2007, sempre as segundas e quartas-feiras das 19h às 22h.

As inscrições para os dois cursos já estão abertas e podem ser feitas até o dia 13/04/2007 através do telefone: 11 2155-3300 ou pelo e-mail: atendimento@liceuescola.com.br.

Mais informações: www.liceuescola.com.br

Sobre o Liceu

O Liceu de Artes e Ofício de São Paulo é uma instituição de Ensino de Excelência que há mais de 133 anos oferece cursos nas áreas artísticas, culturais e tecnológicas. Possui uma infra-estrutura de laboratórios e oficinas que estimula, no processo de ensino/aprendizagem, a articulação da teoria à prática, tornando a aprendizagem mais eficaz. Os alunos têm à disposição laboratórios de informática, química e física, eletrônica e comunicação, ateliê de desenho, canteiro de obras, oficina mecânica, quadra de esportes, musculação, biblioteca e outros departamentos. De acordo com o Instituto Data Folha, o Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo é o colégio que mais aprova na USP.

Crédito da matéria: Tierno Press Assessoria

 

Visita guiada às obras de restauro na Casa de Dona Yayá em São Paulo/SP, com alunos do Liceu de Artes e Ofícios de São Paulo.

São Paulo/SP, 2008.

A casa de Dona Yayá hoje, também conhecida como o “Casarão do Bexiga”, abriga hoje o Centro de Preservação Cultural da Universidade de São Paulo – USP.

yaya 028 yaya 029yaya 030

 

 

Sessão Solene de Comemoração aos 52 anos de Brasília. Alessandra Ferrari é homenageada pela Academia Brasileira de Arte Cultura e História e pelo Instituto Biográfico do Brasil.

Brasília, Abril de 2012

Homenageada pelos relevantes serviços prestados e reconhecimento à inestimável colaboração em bem servir à Brasília

Ale 1   Ale 2

 

Entrega do trabalho de restauro no mural de John Graz.

Propriedade particular, São Paulo/SP, 2006.

Annie Graz e o mural do seu marido John, após o trabalho de restauro Annie Graz, Alessandra Ferrari e Lucia Vergara (proprietária da obra) JVC

Nas fotos: Annie Graz (esposa de John Graz), Alessandra Ferrari e Lucia Vergara (proprietária da obra).

 

Estágio com Adriano Luzi em Roma/Itália.

Roma / Itália, 2001.

Alessandra Ferrari estagiou com Adriano Luzi, no restauro de pinturas a fresco em capelas da igreja Trinità dei Monti em Roma, cujas pinturas são atribuídas a Andréa Pozzo, aos alunos de Perugino, Danielle da Volterra, Michelangelo dentre outros. Adriano Luzi é restaurador conhecido mundialmente por ter realizado trabalhos de significativa importância, dentre eles o restauro na tumba de Nefertari no Egito. Infelizmente, faleceu no ano de 2003 deixando um legado muito rico para a Arte em todo o mundo. 

 

Reportagem no jornal Folha de S. Paulo “Para restaurar uma profissão”.

44     lgo-folha_online-130x50

São Paulo, 24 de junho de 2003.

“… Embora resistam bravamente ao tempo e aos modismos e inspirem novas criações, esculturas, pinturas, documentos e construções históricas são bens finitos. Mantê-los vivos para o olhar do futuro é a função dos conservadores-restauradores, trabalhadores de sofisticadas técnicas multidisciplinares cuja profissão ainda não é reconhecida no Brasil. Mercado de trabalho, em tese, não lhes deveria faltar. Segundo dados do Iphan (Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional), cerca de 50% dos imóveis históricos tombados no país encontram-se degradados e 25% precisam de obras de recuperação. São goteiras, calhas quebradas, ausência de climatização adequada ou até de instrumental básico. A consequência para os tesouros culturais ali abrigados é a mesma: destruição…”

Matéria completa no Jornal Folha de São Paulo

 

“Fiera di Conservazione e Restauro” em Ferrara/Itália.

Alessandra promove oficina e demonstração da realização de pintura mural com técnicas dos anos de 1.400 e 1.500 D.C.

”Fiera di Conservazione e Restauro”, 1998, Ferrara – Italia"

”Fiera di Conservazione e Restauro”, 1998, Ferrara – Italia”

”Fiera di Conservazione e Restauro”, 1998, Ferrara – Italia"

”Fiera di Conservazione e Restauro”, 1998, Ferrara – Italia”

Representantes da “Soprintendenza per I Beni Artistici e Storici” da região da Emilia Romagna/Itália, Restaurador Luca Pantoni, Prof. Enrico Prosciuti e Restauradora Alessandra Ferrari.

 

Apresentação de trabalho no Congresso Internacional DOCOMOMO “Preservação de bem móvel e imóvel – A pintura mural de John Graz”, através da Universidade Presbiteriana Mackenzie, Programa de Pós Graduação em Educação, Arte e História da Cultura (EAHC).

São Paulo, 2006.

O DOCOMOMO é uma organização não-governamental, com representação em mais de quarenta países. Foi fundada em 1988, na cidade de Eindhoven na Holanda. É uma instituição sem fins lucrativos e está sediada atualmente em Barcelona, na Fundació Mies van der Rohe, e é um organismo assessor do World Heritage Center da UNESCO.
Os objetivos do DOCOMOMO são a documentação e a preservação das criações do Movimento Moderno na arquitetura, urbanismo e manifestações afins. O DOCOMOMO é reconhecido como uma das mais importantes organizações mundiais ligadas às causas preservacionistas.

Apresentação de Congresso 1 Apresentação de Congresso 3 Pintura Mural de John Graz em Apto. do Ed. Lousanne em Higienópolis, São Paulo-SP

Como parte do trabalho apresentado, foi realizada uma visita guiada levando os congressistas do Docomomo aos monumentos e obras modernistas de São Paulo. Nestas fotos, visita ao apartamento onde está situada a pintura mural de John Graz.

 

Trabalho de Conservação e Restauro em papel em São Luis do Paraitinga, São Paulo/SP.

37

Restauradoras Alessandra Ferrari e Tania Oliver (USP/SP). A fotografia realizada durante os trabalhos de restauro foi utilizada para capa de revista de pesquisa.

 

Inauguração da Pinacoteca do Circolo Italiano em São Paulo/SP realizada com curadoria e serviços de conservação e restauro de Alessandra Ferrari.

Inauguração dos trabalhos de Conservação e Restauro e Curadoria, realizados nas obras do Acervo do Circolo Italiano em São Paulo/SP em 2003.

Inauguração dos trabalhos de Conservação e Restauro e Curadoria, realizados nas obras do Acervo do Circolo Italiano em São Paulo/SP em 2003.

 

Exposição de trabalhos de alunos do Studio D’Arte e Restauro na prefeitura da cidade de Cambuquira/MG.

JVC JVC JVC JVC 

Fotos de Eventos